Reivindicações de imigrantes aparecem em audiências para Plano de Metas em São Paulo – Radio JHP

Reivindicações de imigrantes aparecem em audiências para Plano de Metas em São Paulo

A cidade de São Paulo começou a discutir neste mês de abril o Plano de Metas a ser seguido pela gestão atual, de João Doria (PSDB). Ao todo, foram apresentadas 50 metas (que podem ser consultadas aqui), divididas em cinco eixos temáticos – Desenvolvimento Humano, Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico e Gestão, Desenvolvimento Institucional e Desenvolvimento Social.

O número é inferior às 88 promessas de campanha de Doria e também ficou abaixo das metas iniciais apresentadas pelos dois antecessores, Fernando Haddad (123), e Gilberto Kassab (223). Dentre elas não consta nenhuma que faça menção direta às comunidades migrantes de São Paulo, embora a cidade tenha desde o ano passado uma Política Municipal para a População Imigrante.

Durante as audiências temáticas e regionais, que aconteceram entre os dias 6 e 9 de abril, apareceram demandas isoladas ligadas às comunidades migrantes da cidade. Em Guaianases, o boliviano Mario San, 62, do Conselho Participativo local, pediu a instalação de uma casa de acolhida para imigrantes na região; em São Miguel Paulista, imigrantes haitianos também pediram a instalação de um centro de acolhimento.

Em outra audiência, no dia 6 de abril, o Instituto Planeta América Latina pediu a valorização dos meios de comunicação alternativos dos migrantes que vivem em São Paulo.

Cronograma e como ainda participar

Esse debate é lei no município desde 2008 e todas as gestões são obrigadas a apresentar metas, que em seguida são discutidas pela sociedade em audiências públicas. O cronograma para o Plano de Metas 2017-2020 conta com 38 audiências, sendo que 37 delas aconteceram entre os dias 6 e 9 de abril. Uma última audiência geral está marcada para o dia 24 de abril, na Câmara Municipal, às 15h – Viaduto Jacareí, 100.

Além da participação nas audiências, a população pode enviar sugestões para o Plano de Metas da seguinte forma:

Em maio, a Prefeitura deve estruturar e fazer as mudanças que julgar necessárias. A publicação do plano final está prevista para junho.

Com informações de G1, Planeta América Latina e 32xSP

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password